Todas as fases da vida requerem uma boa alimentação. A terceira não é exceção e há cuidados especiais a adotar. Hoje, conto-vos quais são os mais importantes.

O envelhecimento, só por si, afeta a absorção dos alimentos. Mas, como me explicaram os nutricionistas do Continente, várias outras agruras podem condicionar a alimentação, como as dificuldades de mastigação (por falta de dentes ou próteses dentárias desajustadas), os problemas de deglutição (insuficiência de saliva), as limitações de locomoção ou a redução de alguns sentidos (paladar, visão ou olfato).

Estas condições podem levar a graves situações de desnutrição e desidratação, sobretudo numa fase da vida em que a atividade física é pouca ou nenhuma e, por vezes, o organismo está enfraquecido pela toma constante de medicamentos.

Filetes com beterraba assada

IR PARA SITE CHEF CONTINENTE

TODOS OS PRODUTOS BIOLÓGICOS À MÃO DE SEMEAR

É aqui que posso ajudar. Deixo-vos algumas recomendações essenciais para tentar que o avançar da idade não comprometa a qualidade de vida dos mais experientes da família.

A alimentação saudável na terceira idade estimula a agilidade mental, fortalece o sistema imunitário e aumenta a energia

1. ÁGUA, ÁGUA E MAIS ÁGUA.

O consumo abundante de água é importante em qualquer idade, mas é imprescindível para os idosos, visto que desidratam com mais facilidade. Incentive-os a beber água ou líquidos saudáveis (sem adição de açúcar), de hora em hora, mesmo quando não sentem sede. O ideal será que deem conta de dois litros de água por dia.

2. HORAS PARA COMER

Na terceira idade, deixar o estômago vazio durante muito tempo pode ser ainda mais perigoso. Não deixe que os seus seniores saltem refeições ou fiquem mais de três horas sem comer. Quando o apetite não chega (o que é muito comum), insista para que comam uma peça de fruta ou prepare-lhes algo diferente para lhes estimular a vontade.

3. FÁCIL DE ENGOLIR

As refeições na terceira fase da vida devem ser em menor quantidade e de fácil digestão. Se existirem problemas de mastigação ou deglutição, experimente triturar os alimentos ou cozinhá-los bastante para ficarem bem macios.

4. PRATOS RICOS EM NUTRIENTES

Aposte sempre em alimentos nutricionalmente completos, ricos em proteína e fibra e pobres em açúcares, gordura e sal, como frutos, hortícolas, leguminosas e cereais. As refeições pré-cozinhadas e enlatados devem ser consumidos com muita moderação, sobretudo por quem sofre de diabetes e hipertensão.

catarina furtado

5 alimentos indispensáveis 

  • Fruta

  • Legumes

  • Leite e derivados

  • Peixe

  • Cereais integrais

dicas

Your Content Goes Here

Your Content Goes Here

Your Content Goes Here

Comentários8

  1. Maria Antonieta Figueiredo 13/12/19 10:12 | 23.01.2019 11:19 AM

    Obrigada Catarina por se preocupar com os mais seniores. Com tanto blog de dietas da moda, bem parvas na minha opinião, é fácil esquecerem-se de nós que somos os que mais precisamos de informação. Não é por acaso que quase todas as pessoas com mais idade, que comecem a ter problemas de saúde, já ouviram recomendações ou tiveram restrições alimentares do médico.

    Responder
  2. Linda Goncalves 13/12/19 10:12 | 23.01.2019 4:17 PM

    FIQUEI FAN MESMO QUE faça muita atençao ao que cozinho ………bjs ♥

    Responder
  3. Nuno soares 13/12/19 10:12 | 25.01.2019 5:23 PM

    Post partilhado no grupo do facebook Emagrecer perder ou ganhar peso = ganhar Saude Portugal. 🙂

    https://m.youtube.com/watch?v=EJDY6QCcwcI

    https://www.facebook.com/groups/emagrecer.portugal

    Responder
    1. Catarina Furtado
      Catarina Furtado 13/12/19 10:12 | 25.01.2019 5:38 PM

      Boa tarde, Nuno Soares. Obrigado por partilhar os meus artigos. Conto consigo para assistir amanhã, sábado, à estreia do programa À Roda da Alimentação na RTP1. Até lá.

      Responder
  4. Ana Moreira 13/12/19 10:12 | 30.01.2019 11:11 AM

    Esta informação é muito importante pois por vezes temos tendência a esquecer a alimentação dos mais velhos.
    Tenho um familiar com Alzheimer e gostaria de saber quais os alimentos mais precisos nestas situações.
    Obrigada.

    Responder
    1. Guilherme 13/12/19 10:12 | 04.03.2019 6:42 PM

      Olá, leia o livro traduzido em português ” O Fim do Alzheimer” dr. Dale Bredesen. ou ” Alzheimer’s Disease” dra. Mary Newport. sobre, Óleo de Coco e as Cetonas no Cérebro.

      Responder
      1. Clara 13/12/19 10:12 | 19.08.2019 2:35 PM

        Também aconselho vivamente esse livro ” O Fim do Alzheimer” do dr. Dale Bredesen. Estou a ler porque a minha mãe tem Alzheimer numa fase muita avançada e portanto incurável. Mas o livro diz que esta doença pode aparecer aos 40 e 50 anos sem dar sinais, por isso é bom começar um tratamento de prevenção quanto antes possível. A alimentação mas também outros factores, como por exemplo a higiene oral, devem ser cuidados.

        Responder
  5. Catarina Furtado
    Catarina Furtado 13/12/19 10:12 | 20.08.2019 10:31 AM

    Fico muito satisfeita por ver o meu blog se transformou num local de partilha de conhecimentos. Obrigada a tod@s.

    Responder

Adicionar comentário

Não perca pitada
das nossas novidades