Alimentação durante a amamentação

Por À Roda da Alimentação

Há uma relação entre a qualidade da alimentação durante o período de amamentação e a qualidade do materno produzido. Hoje deixamos-lhe alguns conselhos para uma e equilibrada.

A alimentação durante a gravidez e o período de amamentação é essencial para garantir a nutrição adequada do bebé e da mãe. O leite materno tem, como se sabe, a composição nutricional adequada, além de ser uma forma económica, prática, natural e saudável de alimentar o bebé.

No entanto, é importante lembrar que há variações na qualidade do leite materno, ao longo das diferentes fases, que são naturais e esperadas, uma vez que o leite é produzido continuamente e a sua composição muda de acordo com as necessidades nutricionais do bebé e fases de desenvolvimento. De qualquer modo, todos os nutrientes que a mãe ingere durante a gravidez e amamentação influenciam o valor e composição nutricional do leite materno. Assim, é importante ter em conta alguns conselhos:

  • Fazer várias e pequenas refeições ao longo do dia.
  • Aumentar a ingestão de calorias, de acordo com os trimestres da gravidez, uma vez que existe um aumento de necessidades no segundo e terceiro trimestre.
  • Não saltar refeições e não permanecer muitas horas sem comer.
  • Mastigar calmamente e com consciência.
  • Preferir acima de tudo alimentos nutritivos, simples e sobretudo, seguros, dando preferência a alimentos confecionados.
  • Evitar o consumo de alimentos ricos em saturadas, com açúcares adicionados e com elevado teor de .
  • Evitar bebidas alcoólicas, tabaco ou outras substâncias ilícitas e reduzir o consumo de cafeína.
  • Manter uma boa hidratação, de forma a garantir o bom funcionamento do organismo, bebendo pelo menos 1,5L de água diariamente.
  • Optar por alimentos nutricionalmente interessantes, como integrais, leguminosas hortícolas, ovos, desde que bem cozinhados, , , e gorduras benéficas para a saúde, como o azeite e o abacate!
  • De acordo com a Roda dos Alimentos deve incluir: 3-5 porções de hortícolas e/ou fruta; 1-3 porções de gorduras; 2-3 porções de (dê preferência aos produtos ultrapasteurizados); 1,5 a 4,5 porções de carne, pescado e ovos; 1-2 porções de leguminosas; 4-11 porções de cereais, derivados e tubérculos.

Felicidades!

Fonte: Aleitamento Materno: Promover Saúde (Associação portuguesa de Nutrição)

Autor

À Roda da Alimentação