Três sopas que (provavelmente) nunca fez

Um prato de sopa ao jantar ajuda bastante a cumprir a dose diária de legumes que devemos consumir. Se está a precisar de variar nas receitas, este post é para si.

Cá em casa começamos sempre as refeições com sopa. Pela riqueza nutricional e baixo valor calórico, esta é a melhor solução para garantir que os meus filhos comem os hortícolas de que tanto precisam.

Ricos em vitaminas, minerais e antioxidantes, os legumes e as hortaliças têm um importante teor de fibras, que combinados com água oferecem uma grande sensação de saciedade e ajudam ao funcionamento intestinal.

Além de ser indicada para quem quer fazer manutenção do peso ideal é uma forma prática de combinar uma grande diversidade de hortícolas no mesmo prato, disfarçando o sabor dos que são menos apreciados. Por isso mesmo não deve ser incentivada apenas na infância – é tão importante para os miúdos como para os graúdos.

Para variar um bocadinho nos ingredientes do costume, decidi procurar a ajuda do Continente e aprender umas receitas novas. As propostas que recebi superaram o objetivo. Muito diferentes entre si e todas altamente nutritivas, deram novos sabores aos jantares da família Furtado Reis.

Aqui ficam três propostas: sopa de beterraba, uma raiz repleta de cor e sabor; sopa de S. Martinho, à base de castanhas e bem a calhar na época que se aproxima; e creme de cenoura com gengibre, que dá o toque exótico ao trio maravilha.

Your Content Goes Here

Your Content Goes Here

Your Content Goes Here

Adicionar comentário

Não perca pitada
das nossas novidades