Esta semana fui à padaria para saber mais sobre o pão. Por que é tão importante para a saúde? Que tipos existem? Quais são os mais saudáveis?

Uma boa notícia é que o pão não é o bicho-papão que muitos pensam. Faz parte do maior grupo da Roda dos Alimentos e fornece-nos energia, vitaminas, minerais e fibra. Mayumi Delgado, nutricionista do Continente regressou esta semana ao meu programa na RTP1 para nos dar a conhecer melhor os cereais e o verdadeiro valor do pão.

Embora seja necessária moderação no consumo, muitas vezes, o maior problema não é tanto o pão que comemos, mas sim o que lhe adicionamos: a manteiga, o queijo, o doce… Além disso, é preciso ter alguma atenção ao tipo de farinha com que é feito. O grau de refinação (identificado pela letra T), diz-nos se é mais ou menos integral. E já sabemos, quanto maior for o número que acompanha o T, menor é o grau de refinação. Por exemplo, a farinha de trigo branca refinada é T45, enquanto uma integral será T150.

Em relação às quantidades, Mayumi relembrou a Roda dos Alimentos que recomenda um consumo diário de entre 4 e 11 porções de cereais, derivado e tubérculos, sendo que uma porção de pão corresponde a cerca de 50 gramas (mais ou menos uma fatia).

Se, como eu, tem uma inclinação pelos cereais, lembre-se que também é importante consultar nas embalagens a lista de ingredientes, a tabela nutricional e, quando está presente, o semáforo nutricional para conferir os níveis de sal, gorduras e açúcar. Não sabe ou já não se lembra como se faz? Não há problema, releia o post ‘Rótulos: o que é o quê’.

Se não conseguiu ver este programa, saiba que está disponível na íntegra no site da RTP1.

TODOS OS PRODUTOS BIOLÓGICOS À MÃO DE SEMEAR

Your Content Goes Here

Your Content Goes Here

Your Content Goes Here

Adicionar comentário

Não perca pitada
das nossas novidades